Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sensacional - De Tudo Um Pouco - Absolutamente Genial!

Sensacional - De Tudo Um Pouco - Absolutamente Genial!

5 hábitos recorrentes em quem é criativo e empreendedor

 

 

 

Criar uma empresa, desenvolver uma startup ou gerenciar projetos exige muito mais do que conhecimentos acadêmicos. Em grande parte dos casos, é mais do que essencial ter criatividade e senso de empreendedorismo. Mas será que existe alguma forma de fazer com que essas características sejam desenvolvidas com o passar do tempo? Há como amplificar isso no seu cérebro?

Fórmula mágica não existe, realmente. Mesmo assim, há uma série de hábitos que são citados pelos mais criativos e surgem com recorrência nesse tipo de conversa. Está curioso para saber mais sobre isso? Então confira agora mesmo as dicas reunidas pelo site FastCompany com algumas das citações mais comuns entre os empreendedores criativos. Será que você já não as faz sem saber?

Vale dizer que ter empreendedorismo vai muito além de abrir uma empresa. Essa característica é muito importante para qualquer pessoa que gostaria de crescer na carreira, pois serve também para modificar planos e realidades dentro de um ambiente corporativo.

 

 

1. Agir com coragem

Quem procura empreender precisa saber que é necessário coragem. Empreender é também sair da inércia, e isso exige muito mais força do que a grande maioria espera. Apresentar soluções que modifiquem realidades, buscar novos caminhos ou mudar completamente de rumos... Tudo isso exige muita força de vontade! Reunir coragem a partir dos sucessos do passado pode ser uma ótima ideia.

2. Curiosidade acima do medo

É difícil arriscar? Com certeza é! Mas uma característica que os empreendedores de sucesso têm em comum é a coragem de colocar a curiosidade acima do medo. Se você precisa navegar em águas desconhecidas, é preciso ter curiosidade para saber o que vai encontrar. E isso deve ser colocado acima do medo de ir até lá.

3. Respeitar ideias

Há quem diga que as ideias não são tão importantes quanto a execução delas, mas há muitos especialistas que vão para o lado oposto. Para este segundo grupo, as ideias precisam ser respeitadas como se fossem as próprias entidades, principalmente quando elas realmente fazem a diferença.

Há momentos em que elas devem ser deixadas em segundo plano para amadurecer, mas nunca devem ser esquecidas. Um hábito bem interessante é dedicar tempo para trabalhar melhor qualquer nova possibilidade que surja em sua cabeça.

4. Trabalhe com outras pessoas

Muitas pessoas que resolvem investir em novas ideias acabam errando ao ter ciúmes do próprio trabalho. Isso acaba levando a um processo criativo com apenas uma visão, e o resultado pode não ser o melhor possível. Um  hábito saudável é ter rodadas de conversa com amigos com quem você possa falar sobre seus planos sem medo de ter os projetos roubados.

Lembre-se: críticas precisam ser ouvidas e absorvidas, mas não podem ser um impeditivo para seus planos.

5. Abraçar a frustração

A frustração de um projeto jamais deve fazer com que você desista de todos os seus planos para o futuro. De acordo com especialistas, um hábito saudável dos empreendedores é abraçar essa frustração para seguir o processo e chegar ao ponto pretendido.

 

 

 

 

 

10 Dicas para uma boa entrevista

  1 - Hoje em dia quase todas as empresas têm Sites na Internet. Aprenda algo sobre a empresa antes de ir a uma entrevista. Mas, atenção, não mostre que sabe demais sobre a empresa. Use essa informação para fazer algumas perguntas sobre a empresa.

2
 - Liste no papel todas as perguntas que você pensa que um entrevistador lhe poderia fazer. Então prepare algumas respostas e escreva-as por baixo das perguntas. Escrever as perguntas e as respostas ajudá-lo-á a recorda-las. Pratique com o alguém as respostas a essas mesmas perguntas. 

3 - Pense nas suas fraquezas. Deve estar preparado para que lhe façam referencia a uma área na qual a sua experiência / conhecimento têm algumas falhas. Se não lhe for perguntado, encontre uma maneira incluir isso na entrevista. Os entrevistadores esperam ouvi-lo falar nos seus pontos fortes, mas não esperam ouvi-lo falar dos seus pontos fracos ou "necessidades". Apreciarão a sua sinceridade, e irá impressiona-los. Entretanto, assegure-se de que as falhas que você divulgue podem ser facilmente remediadas.

4 - Leia o seu C.V. e planeie como explicar um “lapso de tempo”. Por exemplo, se você tiver um par dos meses entre deixar um trabalho e começar um novo, certifique-se de que tem uma boa explicação para o que fez durante o período intermédio entre os dois empregos 

5 - Certifique-se de que o seu passado académico e ou de trabalho, sejam discutidos. Assim, esteja preparado para falar sobre realizações específicas, uma melhor descrição do trabalho. Explique o que você sentiu sobre um sucesso ou um fracasso. Os sentimentos são importantes.

6 - Perguntas. Evite perguntas que empurrem o entrevistador para um compromisso - a menos que você esteja a ser entrevistado para um trabalho de vendas. Algumas perguntas boas a levantar são:
-  Pode falar-me um pouco sobre as pessoas que trabalham nessa equipa?
- Com que frequência as pessoas progridem na organização?
- Quando é que se pode esperar uma decisão sobre este processo de selecção? 

7 - Use os verbos na terceira pessoa, evite o "eu", ao falar sobre o trabalho. Evite falar como se o trabalho já fosse seu. Não pergunte: "Qual vai ser o meu salário por mês? " Pergunte antes: "Qual é aproximadamente o salário mensal para este cargo? ".

8 - Encontre algo positivo sobre a empresa enquanto pesquisa as informações que recolheu no Web Site da empresa, algo que você sinta que o entrevistador saberá responder e dê-lhe a oportunidade de falar (orgulhosamente) sobre isso.

9 - Se o seu C.V. não tiver já uma fotografia assegure-se de que leva uma foto e mais um  C.V. consigo para a entrevista.

10 - Se você não conhecer exactamente o local da entrevista tente sair uma hora mais cedo para chegar a tempo. Independentemente de uma boa desculpa, um atraso dá logo uma impressão negativa sobre si. Se você puder leve um telemóvel. Se ficar preso no meio do transito, você pode pelo menos avisar o entrevistador do seu atraso.

 

 

Brócolos fresco têm um sabor suave, que vai bem em muitos pratos crus e cozidos. O amargor aparece quando o brócolos fica maduro demais ou é cozido incorrectamente. Guardar e preparar o vegetal correctamente impede que ele fique amargo, coisa que acontece sempre que ele é cozido além do ponto. Escolher sempre o brócolos mais fresco possível garante o melhor sabor, independente de como você planeia prepará-lo e servi-lo.
Como eliminar o amargor dos brócolis
INSTRUÇÕES
1
  1. Compre ou colhe brócolos com uma cor verde forte e floretes bem fechados. Evite o legume amarelado e cabeças que pareçam passadas. O brócolos desenvolve o amargor quando envelhece e os floretes começam a se abrir.
  2. 2
    Guarde o brócolos sob refrigeração por até uma semana. Guardar por mais tempo  do que isso compromete o seu sabor e as qualidades nutricionais.
  3. 3
    Encha uma panela com 2,5 cm de água. Deixe ferver no fogo médio-alto.
  4. 4
    Coloque o brócolos no cesto de cozimento. Ponha este dentro da panela e tampe.
  5. 5
    Cozinhe o brócolos no vapor até que esteja macio, de 8 a 15 minutos. Cozinhar demais fará com que ele fique desmanchando e amargo. Um brócolos macio é verde brilhante e com a doçura natural do legume.